(92) 3233-3449   (92) 99267-1890

Notícias

Fonasefe vai aumentar pressão sobre senadores na CCJ contra reforma trabalhista

Os coordenadores da Fenajufe Helenio Barros e José Aristeia, no plantão esta semana, participaram de reunião do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos federais – Fonasefe na quinta-feira, 22. As entidades continuaram a discutir a construção da Greve Geral de 30 de junho e o fortalecimento da resistência às reformas propostas pelo governo Temer, que atacam os direitos dos trabalhadores brasileiros.

Nos debates, mais uma vez o Fórum manifestou preocupação com a paralisação de apenas 24 horas. O ideal, segundo as entidades, seria que a Greve Geral tivesse duração de 48 horas, como inicialmente discutido. Um manifesto reafirmando essa necessidade deverá ser divulgado em breve.

Como parte da estratégia de fortalecimento da luta contra as reforma, o Fonasefe deliberou por indicar às entidades que orientem os sindicatos a participarem, na próxima semana, da reunião com os senadores Paulo Paim (PT/RS) e Hélio José (PMDB/DF) sobre a CPI da Previdência, marcada para as 14 horas da terça-feira, 27, no Senado.

Outra orientação é para que os integrantes do Fonasefe compareçam e pressionem os senadores na votação do relatório de Romero Jucá (PMDB/RO) na Reforma Trabalhista, na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado. A sessão da CCJ acontece na quarta-feira, 28, a partir das 10 horas.

Ampliada dos Federais

Quanto à reunião ampliada dos Servidores Públicos Federais (SPFs), foi definido que a comissão organizadora deverá contar com mais entidades além da Fenajufe, Andes-SN e Condsef. Uma reunião para definir proposta de data para a ampliada acontece na terça-feira, 27, às 10 horas na sede do Andes-SN, em Brasília.

O Fonasefe volta a reunir-se na terça-feira, 4 de julho, para tratar da organização da Ampliada dos Federais e da campanha salarial de 2017, entre outros temas.

O relatório completo pode ser acessado AQUI.

Top